“Salário defasado” professores municipais reivindicam diálogo

Com salário defasado nem fazendo conta da pra pagar as contas. Foto: Ilustrativa

Hoje, nós professores municipais de Formosa recebemos nosso salário, com DEFASAGEM de 27,01%. Estamos vivendo o ano de 2017 com o salário de 2014.
O prefeito de Formosa recebeu muitos votos da educação. Professores/eleitores que confiaram em suas palavras. Palavras ditas nos discursos de campanha, nas portas de nossas residências. Que sua administração seria pautada no diálogo e sobretudo na eficiência. E é isso que esperamos e exigimos. Não continuaremos a ouvir que não há dinheiro. Queremos juntos analisar os extratos do FUNDEB, o valor da contrapartida da prefeitura e a folha de ponto mensal da educação.
Queremos chegar a um acordo.
Em RESPEITO a população da cidade de Formosa, estamos abrindo o diálogo. Ressaltando que não precisamos de um discurso com português erudito acompanhado de boa oratória. Necessitamos que o pagamento do Piso que é garantido por Lei seja respeitado.
Nós, professores municipais de Formosa, esperaremos até o dia 28 de abril para que uma proposta decente seja feita.
NÃO PODEMOS VIVER 2017 RECEBENDO O SALÁRIO DE 2014.

 

Texto de professores da rede municipal publicado nas redes sociais

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*