Criança ferida por roçadeira está em estado gravíssimo, diz hospital

É gravíssimo o estado de saúde do menino de 7 anos que teve parte do braço decepada e após ser atingido por uma roçadeira em Ceres, na região central de Goiás. De acordo com o último boletim médico do Hospital de Urgências Governador Otávio Lage (Hugol), em Goiânia, onde a criança está internada, a criança está sedada e respira com ajuda de aparelhos. A Polícia Civil investiga o caso.

O acidente aconteceu na manhã de segunda-feira (3), na GO-154, próximo a um motel na saída da cidade. De acordo com o delegado Matheus Costa Melo, responsável pelas investigações, a criança estava em um carro, com o braço para fora da janela, quando foi atingida por uma roçadeira operada por um homem que fazia a limpeza de um terreno Às margens da rodovia.

Segundo ele, o motorista do veículo onde a criança estava, que é amigo da família, o operador da roçadeira e o dono do motel, que contratou o serviço de limpeza, foram ouvidos e relataram como foi o incidente.

“O menino estava no banco de trás de um carro, fora da cadeirinha, e com os braços para fora. O condutor, que é amigo da família, chegou a advertir a criança algumas vezes. Quando ele passava pela rodovia, foi atingido por um homem contratado por um motel para fazer a roçagem do mato. Foi um descuido do rapaz e uma imprudência da criança”, disse.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o menino teve parte do braço esquerdo amputada e também uma lesão no crânio. Ele foi socorrido e levado para o Hospital Municipal de Ceres. Devido à gravidade dos ferimentos, a criança foi transportada de helicóptero para o Hugol.

“Investigamos uma possível lesão corporal culposa por parte do homem que fazia a roçagem do mato. Mas ainda vamos fazer uma perícia no veículo, procurar câmeras de segurança e individualizar a responsabilidade de cada um nesse acidente”, explicou Melo.

FONTE: G1GO

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*