Crianças se queimam ao jogar álcool em lixo que pegava fogo, em Catalão

Dois irmãos, de 3 e 8 anos de idade, se queimaram, na segunda-feira (4), após jogar álcool em um lixo que pegava fogo em uma fazenda de Catalão, na região sudeste de Goiás. De acordo com a direção da Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) da cidade, o menino mais novo teve 70% do corpo queimado e o mais velho teve ferimentos nos braços e mãos. As crianças foram transferidas para o Hospital de Urgências Governador Otávio Lage (Hugol), em Goiânia.

Segundo o último boletim médico do hospital, o estado de saúde do caçula é gravíssimo. Já o irmão mais velho está internado na enfermaria com estado de saúde regular. Conforme o médico Peterson França, diretor da UPA de Catalão, onde as crianças receberam o primeiro atendimento, o menino de 3 anos de idade precisou ser estabilizado antes de ser transferido para a capital.

“A criança menor já chegou em estado mais grave. Primeiro ela teve que ser estabilizada na unidade, porque o transporte já era de alto risco. Então ela foi estabilizada na unidade primeiro, foi feito todo o protocolo para grande queimado, a partir daí ela já estava sendo regulada. Saiu a vaga para Goiânia, a gente encaminhou”, contou.

O acidente aconteceu na fazenda onde a família mora, a 10 km do centro de Catalão. De acordo com o último boletim médico do Hugol, a criança de 3 anos passou por uma cirurgia ainda na segunda-feira (4) e está na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Já o irmão está na enfermaria e não corre risco de vida.

O capitão Bruno Prudente, do Corpo de Bombeiros, orienta os pais a nunca deixarem os filhos brincarem com material inflamável.

“Nunca incentivem seus filhos, principalmente crianças, a brincarem com fósforos, isqueiros e materiais inflamáveis. São ocorrências que acometem crianças em lesões graves e sequelas às vezes até irreversíveis, isso quando não leva a morte”, disse.

FONTE: G1GO

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*