Corpos de amigos que morreram em queda de avião no Mato Grosso do Sul são enterrados em Goiás

Os corpos do piloto Otávio Borges Rodrigues, de 31 anos, e do amigo dele, Luiz Henrique Garcia, de 29, que morreram na queda de um avião em Cassilândia, no Mato Grosso do Sul, foram enterrados neste sábado (15) em Itajá, no sudoeste de Goiás. Eles moravam em Goiânia, mas estavam na cidade goiana para visitar parentes e decidiram ir até o estado vizinho para fazer voos panorâmicos, quando houve o acidente.

Durante o velório e enterro, parentes e amigos estavam muito abalados com as mortes. Primo de Otávio, Sérgio Antônio Garcia falou que ainda não se sabe as causas da queda.

“Não tem nada que indica o que pode ter levado a esse acidente. A aeronave estava totalmente regular, o piloto, apesar de novo, era bastante experiente, com a documentação em dia também, o tempo estava bom, não tinha vento, então, por enquanto, nem suposições foram possíveis de fazer”, afirmou em entrevista à TV Anhanguera.

A queda do avião ocorreu na tarde de sexta-feira (14), na região de um posto abandonado, próximo ao aeroporto de Cassilândia, a mais ou menos 20 km de Itajá, onde ficaria o hangar do avião. De acordo com o boletim de ocorrência, o piloto e o amigo chegaram ao aeroporto no meio da tarde, quando levantaram o primeiro voo.

Além de Otávio e Luiz, também estavam na aeronave duas jovens, que eram primas dos rapazes. Logo depois, o avião pousou e as duas mulheres desceram. Em seguida, os amigos decidiram voltar a voar e acabaram sofrendo o acidente.

Na queda, a aeronave atingiu uma árvore e ficou presa a galhos. Houve vazamento de combustível, mas não aconteceu explosão. Ambulância e policiais militares estiveram no local, mas, quando chegaram, os dois ocupantes da aeronave já estavam mortos. O corpo de um estava preso às ferragens e o outro no chão.

O Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) investiga as causas do acidente, mas ainda não há um prazo para os términos dos trabalhos.

Por causa do acidente, a prefeitura de Itajá cancelou um torneio de pesca que seria realizado neste fim de semana, conforme anúncio feito pelo vice-prefeito da cidade, Lucas Machado.

FONTE: G1GO

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*