Corpo de homem é encontrado boiando no Lago Paranoá

O homem estava a cerca de 200 metros da margem na QL 26, próximo a Ponte  Juscelino Kubitschek e se encontrava sem roupa. As equipes de resgate levaram a vítima para a margem oposta próximo ao ponto dos pedalinhos, para facilitar o trabalho da perícia.
Ao chegar no local, uma viatura aquática do CBDF fez a remoção do corpo para a margem do lago. Os bombeiros informaram ainda que pelo estado de decomposição do corpo é possível que ele esteja há mais de três dias dentro do Lago Paranoá.
FONTE: CORREIO BRASILIENSE
print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*