No Guará, morador de rua mata para roubar

O suposto autor de uma sequência de crimes que chocou a população do Guará no último fim de semana foi preso em flagrante nessa terça-feira pela Polícia Civil. José Henrique Matias Ferreira, de 30 anos, teria tentado matar um morador da cidade e, 24 horas depois, assassinado outro. Conhecido como Boy, o suspeito é formado em Educação Física, mas morava na rua desde que se tornou usuário de crack, há oito anos.

José Henrique foi detido por volta das 13h em uma região de mata do Guará, chamada de “Biqueira”, onde morava sozinho. O local fica próximo à linha do metrô, na QI 9. Apesar das evidências, no momento da prisão, ele negou qualquer envolvimento com as ocorrências. “A vítima, porém, o reconheceu na hora. Não há dúvidas de que seja ele”, afirmou o delegado-chefe da 4ª Delegacia de Polícia (Guará), Johnson Kenedy Monteiro.

No sábado passado, por volta das 6h, o suspeito teria cometido uma tentativa de latrocínio – roubo seguido de morte – na Colônia Agrícola Águas Claras, ao lado da QE 40, após pedir carona para um conhecido em via pública na QE 12. Na ocasião, ele estava acompanhado de outros dois rapazes, que desceram na primeira parada. José Henrique, no entanto, seguiu viagem com a vítima de 43 anos.

“Em determinado momento, o acusado anunciou o assalto e começou a espancar o motorista com marteladas na cabeça até ele perder os sentidos. A agressão foi feita com ferramentas que a própria vítima levava no carro. Além dos golpes, ela também foi perfurada na lateral do corpo com uma faca”, detalhou o delegado. Desacordado, o condutor foi jogado para fora do veículo, um Fiat Uno, e o suspeito fugiu, levando também seu celular. A vítima conseguiu caminhar até em casa e pedir socorro para a família, que a levou para o hospital. Ele já foi liberado.

No dia seguinte, entre 4h e 6h, o suspeito assassinou outro morador da cidade de 50 anos. Segundo o titular da 4ª DP, a vítima teria ido comprar droga com Boy na região da Biqueira quando foi assaltada e atacada. O corpo foi localizado no fim da tarde do domingo, em um matagal da QE 40. “Desse homem, ele roubou o carro, um Ford Ecosport, um celular e a carteira. Para agredi-lo, usou uma chave de rodas, um macaco e, provavelmente, uma faca. A vítima tinha várias facadas pelo corpo”, completou o delegado.

 

 

 

FONTE: JORNAL DE BRASILIA

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*