Homem é preso suspeito de abusar da filha, sobrinha e afilhada em Aparecida de Goiânia

Um auxiliar de escritório de 57 anos foi preso suspeito de abusar sexualmente da filha, de 7 anos, da sobrinha, de 6, e de uma afilhada, que ainda não teve a idade confirmada, em Aparecida de Goiânia. No celular do homem, a polícia encontrou vários vídeos com pornografia infantil. Em alguns, ele aparece acariciando uma das vítimas, segundo a Polícia Civil.

A delegada Caroline Braga explicou que começou a investigar o auxiliar de escritório após receber denúncia da mãe de uma das vítimas. “Ela estranhou a forma que o homem brincava com a menina, o viu passando a mão nos seios dela e, conversando com a criança, viu que ele já tinha aquele comportamento há um tempo e avisou a polícia”, disse.

Depois que a denúncia foi feita, o homem fugiu de casa. Porém, a polícia conseguiu localizá-lo e prendê-lo na sexta-feira (26) após a Justiça expedir um mandado contra ele. No momento em que foi detido, negou o crime e disse que, no dia que a mãe de uma das vítimas o viu com a criança, tinha passado a mão nos seios dela por acidente.

“Mas, como encontramos vários vídeos pornográficos envolvendo crianças no celular dele, ele não teve mais como negar, até porque ele aparece em alguns deles com essa menina que ele diz ser uma afilhada que nem mora em Goiás mais”, explicou a delegada.

Segundo a responsável pelas investigações, nos três casos, a princípio, não houve relação sexual entre o homem e as vítimas. Os atos e vídeos mostram apenas o auxiliar acariciando as meninas.

O homem está preso 3º Distrito Policial de Aparecida de Goiânia a espera da audiência de custódia. Ele vai ser indiciado por armazenamento de material pornográfico envolvendo crianças e adolescentes e por estupro de vulnerável.

FONTE: G1GO

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*