PF suspende emissão de passaporte por tempo indeterminado

Novo passaporte comum eletrônico brasileiro. O documento passou a ser emitido desde a última segunda -feira (6) pela Polícia Federal e Casa da Moeda, e terá prazo de validade de 10 anos (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Em nota, corporação explica que falta de orçamento impede continuidade do serviço.
A Polícia Federal anunciou, na noite desta terça-feira (27/6), que suspendeu a emissão de passaportes em todo o Brasil. A decisão, que passou a valer a partir das 22 horas, advém da falta de recursos para continuidade do serviço.

Por meio de nota, a corporação explicou que há insuficiência no orçamento destinado às atividades de controle migratório e emissão de documentos de viagem.

De qualquer forma, o agendamento online do serviço e o atendimento nos postos da PF seguem normalmente, só que não há prazo para entrega do passaporte solicitado enquanto o governo federal não normalizar a situação orçamentária.

Veja a nota abaixo

Sobre o serviço de passaportes, a Polícia Federal informa que está suspensa a confecção de novas cadernetas de passaportes solicitadas a partir de hoje, 27/6, às 22 horas.

A medida decorre da insuficiência do orçamento destinado às atividades de controle migratório e emissão de documentos de viagem.

O agendamento online do serviço e o atendimento nos postos da PF continuarão funcionando normalmente. No entanto, não há previsão para entrega do passaporte solicitado, enquanto não for normalizada a situação orçamentária.

Usuários atendidos nos postos de emissão até o dia 27/6 receberão seus passaportes normalmente.

A Polícia Federal acompanha atentamente a situação junto ao Governo Federal para o restabelecimento completo do serviço.

Polícia Federal

Do Jornal Opção

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*