Cármen Lúcia diz que Goiás enfrentou crise prisional apresentando soluções

A ministra Cármen Lúcia disse que Goiás, sob a condução do governador, fez da crise do sistema penitenciário exemplo de como propor e trazer soluções. Ela participa mesta sexta-feira da inauguração do presídio estadual de Formosa, no Entorno do DF.

A unidade tem alto nível de segurança, capacidade para 300 detentos e foi construída pelo governo de Goiás. Ainda este ano, Marconi vai entregar outros 4 presídios com o mesmo padrão de qualidade e segurança.

“Vamos inaugurar o novo presídio de Anápolis no dia 16 de fevereiro, com 300 vagas, e ainda neste primeiro trimestre vamos entregar o presídio de Águas Lindas, mais 300 vagas”, disse o governador Marconi na solenidade desta sexta-feira.

“Quero acentuar o nosso empenho conjunto que faz com que medidas como essas sejam apresentadas para o povo. Contribuindo ainda mais para a melhoria do sistema penitenciário. Se unirmos nossas forças no sentindo de assegurar o cumprimento da Constituição Federal, teremos condições de fazer muito mais”, disse a ministra Cármen Lúcia.

Do Goiás 24hs

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*