Foragido da Justiça, condutor de carreta é preso após acidente na 020

Homem tinha carteira na categoria “AB”, enquanto deveria ter a “E”, e um mandado de prisão em aberto por receptação

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou a dinâmica do acidente ocorrido no começo da manhã desta quinta-feira (15/2) na BR-020, perto de Formosa (GO). O ônibus da Expresso Guanabara que se envolveu tragédia seguia sentido Brasília no momento em que invadiu a faixa contrária.
A carreta carregada de adubo, com placa do Paraná, colidiu frontalmente no ônibus e, em seguida, no guard-rail. Logo depois, bateu em outra carreta, que tombou e ficou atravessada na pista.

O motorista da carreta descarregada, que seguia no mesmo sentido do ônibus, possuía CNH na categoria “AB”, enquanto deveria ser “E” e também foi encaminhado à delegacia de Formosa por possuir contra ele um mandado de prisão preventiva por receptação.

O homem, identificado como Edson Guedes Bessa, 44 anos, tentou passar a direção para outra pessoa, mas a farsa foi desmontada e ele acabou preso na Casa de Prisão Preventiva de Formosa.

O crime praticado por Bessa foi em 2015, em Crixás (GO). O motorista da outra carreta, identificado como Luiz Carlos Dziecinny, segue internado no Hospital Municipal de Formosa. Ele bateu de frente com o ônibus.

De Metrópoles

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*