Audiência Pública vai discutir Recuperação de Nascentes do Rio Araguaia

Crédito: Agência Assembleia de Notícias

A audiência pública marcada pelo Deputado Estadual Francisco Jr (PSD), atual Presidente da Frente Parlamentar do Cerrado, visa discutir a recuperação de nascentes da bacia do Rio Araguaia na microrregião do sudoeste de Goiás bem como a gestão desses recursos hídricos.

Com o tema “Reflorestamento de Nascentes e Micro Bacias do Rio Araguaia” a audiência será realizada no Auditório da Câmara Municipal de Santa Rita do Araguaia, dia 23/03/2018, com início previsto às 08:00h.

O Deputado Francisco Jr explicou a importância da audiência pública, que tem por objetivo alertar e buscar alternativas viáveis para salvar todo o Rio Araguaia, “Nós sabemos que o Rio Araguaia é um dos maiores ou o maior patrimônio natural que nós temos no estado de Goiás, e ele está correndo o risco de acabar. Eu presido a Frente Parlamentar do Cerrado e é em função disso que nós vamos realizar essa audiência pública, no sentido de criar as condições necessárias para salvar o rio Araguaia”, afirmou o deputado.

O evento será promovido pela Assembleia Legislativa do Estado de Goiás e contará com o apoio da SECIMA e da Prefeitura Municipal de Santa Rita do Araguaia. Serão debatidos temas como Equilíbrio e Unidade de Conservação, Avaliação do Impacto Ambiental, Resíduos Sólidos e Crimes Ambientais. Para dar suporte ao acontecimento foram convidados profissionais e servidores públicos das cidades da região, moradores e autoridades preocupadas com essa situação no cerrado. Estarão presentes conhecedores sobre o tema, como a Sra. Márcia Freire Dantas Coutinho – Superintendente Estadual da FUNASA Goiás, o Sr. Thiarlles Elias de Paula, Analista Ambiental da SECIMA, o Dr. Luziano Severino de Carvalho, Delegado Titular da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes contra o Meio Ambiente e o Sr. Germano Augusto de Oliveira, Engenheiro ambiental da empresa Equilíbrio Ambiental.

 

Do Diário de Goiás.

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*