Município de Ceres afasta secretária de Educação do cargo

O município de Ceres comunicou o seu acolhimento para afastar Karla Patrícia Coelho do cargo de secretária de Educação, baseando-se também em parecer da Assessoria Jurídica do município que reconheceu que a acumulação ilegal apontada pelo MP, de fato, contraria norma constitucional, já que o cargo não se adequa ao conceito de cargo técnico ou científico. O documento, de 22 de março de 2018, foi assinado pelo secretário de Administração e Modernidade, Washington Pedroso e informa as providências tomadas pela administração municipal.

Com a finalidade de impedir prejuízos à condução dos trabalhos daquela pasta, o promotor permitiu, conforme solicitado pelo secretário, um prazo improrrogável de 30 dias para a transição e regularização de processos já encaminhados e procedimentos internos.

 

Do Diário de Goiás.

print