Fazer o que?

Crossing out stress and writing relax on a blackboard.

“Deixe a ira, abandona o furor, não te impacientes; certamente isso acabará mal.”
Salmos 37:8

Sempre que encontro numa situação em que estou de mãos atadas, tenho visto que uma boa maneira de lançar meus cuidados sobre o Senhor é apenas dizer: “Fazer o que?”.

Por exemplo, se estamos de carro e nos deparamos com um transito, não podemos ir nem para frente, nem para traz e nem para os lados. Fazer o que? Tenho que esperar… Não vai adiantar eu ficar resmungando, chateando as pessoas que estão a minha volta, pois isso não mudará e eu terei que esperar da mesma forma.

Há certas coisas sobre as quais não vale a pena nos irritarmos, contudo muitas pessoas não conseguem evitar. Infelizmente, uma grande maioria de pessoas estão zangados, indignados e muito ansiosos a maior parte do tempo. Não são as grandes coisas que os afetam; são as pequenas que não se encaixam em seus planos. Ao invés de lançarem seu cuidado sobre o Senhor e simplesmente deixar para lá eles estão sempre tentando fazer alguma coisa sobre algo para o qual não há o que fazer. São muitas as ocasiões em que está simples frase “Fazer o que?” realmente me ajudou a lidar com algo e seguir em frente.

Diante de situações que não há o que fazer, não se irrite… Respire fundo e diga “Fazer o que?”.

Tenha um excelente dia!

J – FONTE: BLOG PALAVRA DO DIA COUTINHO

print