Homem é morto durante briga por música após Exposição Agropecuária de Pires do Rio

(Foto: Reprodução/Facebook)

Testemunhas disseram à PM que a vítima foi tirar satisfação com autor, que tinha trocado a música, e acabou sendo baleado na cabeça.

Um homem foi morto com um tiro durante uma briga por música após a Exposição Agropecuária de Pires do Rio, no sudeste de Goiás, no domingo (17). Segundo a Polícia Militar, o crime aconteceu após uma pessoa trocar o som que estava tocando e a vítima ter idos tirar satisfação. Nenhum suspeito foi preso ainda.

A vítima foi identificada como José Yuri de Oliveira Caetano Santos. A organização da Exposição Agropecuária informou que não vai se posicionar sobre o crime, pois ele ocorreu depois que o evento já tinha encerrado.

De acordo com a polícia, o assassinato aconteceu após o fim da festa agropecuária. Como o local onde o evento aconteceu é público, algumas pessoas permaneceram no espaço com som automotivo.

“Testemunhas nos relataram que o autor do crime e a vítima eram do mesmo grupo de amigos. O autor trocou a música que estava tocando no carro e os outros não gostaram, começando a vaia-lo. Ele então, jogou um copo de cerveja para o alto e a vítima foi cobrar satisfações”, disse o major da PM, Sandro Mendonça.

Ainda segundo o relato de pessoas que estavam no local para a polícia, o criminoso saiu, foi até a casa dele, pegou uma arma e voltou. “Quando se encontrou de novo com a vítima, sacou a arma e deu um tiro na cabeça dele e fugiu. Tivemos informação que um amigo do autor chegou a tirá-lo da cidade”, explicou o major.

Testemunhas informaram à polícia a identidade do suspeito de ter atirado contra José Yuri. Ele, no entanto, ainda não foi localizado e preso.

O G1 tenta contato por telefone com o delegado Igor Carvalho desde as 9h desta segunda-feira (18), mas as ligações não foram atendidas.

Do G1 Goiás.

print