Jovens enfrentam a força do poder público por justiça, prefeito teria cometido abuso sexual de duas irmãs, segundo ocorrências da Polícia Cívil de Goiás e Tocantins e vídeos publicados em redes sociais em Flores de Goiás.

Enfrentando a força do poder público e o silêncio da sociedade Bruna e Raquel travaram uma batalha difícil, contra o dinheiro, o poder e o domínio da política, ocorre que o acusado dos estupros é ex embaixador e atual prefeito, que também usa a máquina pública constantemente para denegrir às vítimas e mudar o foco do assunto.

Raquel e Bruna são irmãs e moraram por longos anos na Fazenda do então diplomata e atual prefeito, após souberem dos escândalos envolvendo Jadiel no tocante a estupros e assédios procuraram a polícia para denunciar violências que até hoje machuca e encaminham para a impunidade, o acusado que já responde ação penal por um suposto estupro de uma criança vem jogando pesado nas redes sociais por meio de uma página que carrega o nome da cidade, que é considerada remanescente de quilombo para melhorar a imagem pessoal e marginalizar e consequentemente recuar qualquer um que se mostre crítico ou contra o atual prefeito.

A câmara está silente é o que preocupa a sociedade, certamente se o então prefeito for afastado do cargo novas vítimas poderão aparecer, no meio das redes sociais existe um clamor da sociedade por justiça, e que sozinhas e com a ajuda da polícia lutam para que a justiça seja feita!

Segue ocorrências registradas e o link onde se encontra o vídeo de relatos:

Link de video: https://m.facebook.com/groups/323682417736674?view=permalink&id=2614871435284416

 

POR LANCE GOIÁS

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*