Justiça atende MP-GO e comércio em Goiânia volta a fechar

 

O MP-GO foi atendido pela Justiça em pedido de liminar para suspender os efeitos do Decreto Municipal n° 1.187/2020 da Prefeitura de Goiânia. Com isso, shoppings centers, galerias, camelódromos, centros comerciais, setores varejista e atacadista e espaços onde atuam profissionais liberais deverão permanecer fechados. A petição inicial é assinada pela promotora de Justiça Marlene Bueno e a decisão cautelar, em face do Município de Goiânia, foi concedida pelo juiz plantonista Claudiney Alves de Melo no início da noite deste domingo (21). Confira, nas fotos, trechos do pedido e argumentações do MP-GO e, por último, trecho das ponderações do juiz. Ou confira a notícia completa e tenha acesso à integra do pleito do MP-GO bem como da decisão neste link: bit.ly/2NeBzOm

#MPGO #Covid19 #Coronavírus #PrefeituradeGoiânia #Decreto #ReaberturadeShoppingseOutrosComércios #Suspensa #PelaJustiça #PedidodoMPGO

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*