Ao reassumir cargo, Secretário de Segurança Publica declara: “Nunca me senti suspeito ou acusado”

Rodney Miranda disse que o governador Ronaldo Caiado nunca questionou sua conduta, mas se sentiu “incomodado” com a divulgação de “informações inverídicas”

Durante a coletiva realizada na manhã desta quinta-feira, 25, para apresentação da conclusão do inquérito da Polícia Civil que investigou as acusações de desvios de dinheiro e interceptação telefônica contra o secretário de Segurança Pública, Rodney Miranda disse que nunca se sentiu suspeito ou acusado.

“Nunca me senti suspeito ou acusado e o maior interesse na elucidação dos fatos foi minha. Estou feliz com o encerramento desta etapa triste e com a mesma disposição e confiança em nossa equipe para continuar lutando contra o crime organizado e a corrupção”, afirmou.

O secretário disse ainda que sempre esteve tranquilo, mas se sentiu incomodado com as acusações. “Fiquei incomodado com a divulgação dessas informações inverídicas mas tranquilo por meus quase 40 anos de serviço público. Nunca fui acusado de qualquer ato desse gênero, então fiquei incomodado. O governador nunca questionou minha conduta mas falei e o governador concordou que era melhor eu tirar férias para não dizerem que interferi nas investigações”.

Rodney disse que o combate à corrupção e ao crime organizado é marca da gestão Caiado desde a elaboração do programa de governo, que ele ajudou a fazer, e diz que o Estado é exemplo no combate à corrupção.

“Vamos continuar trabalhando com seriedade e honestidade. Temos muito a fazer. O caminho é longo para justificar a máxima do Caiado: entregar Goias aos goianos de bem e honestos. Contem com meu trabalho e know-how de 30 anos de vida policial e meu compromisso de honestidade à sociedade goiana”, finalizou.

𝗣𝗼𝗿 𝗝𝗼𝗿𝗻𝗮𝗹 𝗢𝗽𝗰̧𝗮̃𝗼

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*