Pai morre e filho fica ferido durante venda de arma de fogo em Aparecida

Negociação teria sido iniciada pela internet e, na entrega do revólver, os homens foram atingidos por disparos efetuados pelo suposto comprador

Um homem, 42, morreu e o filho dele, de 21 anos, ficou ferido durante a venda de uma arma de fogo no Setor Aeroporto Sul, em Aparecida de Goiânia. Negociação teria sido iniciada pela internet e, na entrega do revólver, os homens foram atingidos por disparos efetuados pelo suposto comprador. Os nomes dos envolvidos não foram divulgados. O caso está sob investigação.

Conforme informações da Polícia Civil (PC), a vítima e o filho moram em Santo Antônio da Barra, a cerca de 189 km de Goiânia, e teriam anunciado um revólver calibre 38 em um aplicativo de venda de itens novos e usados na internet.

Depois de negociação virtual, os homens viajaram para Aparecida de Goiânia, onde encontrariam o comprador. No local, porém, eles foram surpreendidos por um homem que fez os disparos. As vítimas ainda estavam dentro do carro quando foram atingidas. O suspeito fugiu com o revólver sem efetuar o pagamento.

O homem de 42 anos morreu ainda no local. O filho dele foi socorrido pelo Samu e levado para o Hospital de Urgências de Aparecida de Goiânia (Huapa) com quadro de saúde considerado estável.

Até o momento, não há informações acerca do autor do crime. O Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Aparecida investiga o caso.

Fonte: Mais Goiás 

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*