Bolsonaro acompanha entrega da obra de reforma da pista do aeroporto de Congonhas, na Zona Sul de SP

Bolsonaro autogafa bandeira do Brasil de apoiadora durante visita a obra do aeroporto de Congonhas, na Zona Sul de SP, neste sábado (5) — Foto: Fábio Turci/TV Globo

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) acompanhou na manhã deste sábado (5) a entrega da obra de reforma da pista central do aeroporto de Congonhas, na Zona Sul de São Paulo. As obras foram iniciadas há exatamente um mês e concluídas na quinta-feira (3), ao custo de R$ 11,5 milhões.

Bolsonaro chegou por volta das 9h ao aeroporto. Na entrada do pavilhão de autoridades, desceu para tirar fotos com cerca de 20 apoiadores. Também autografou uma bandeira do Brasil de uma apoiadora.

A imprensa não pôde se aproximar do presidente quando ele desceu do carro para cumprimentar os apoiadores.

Segundo a assessoria de imprensa do Planalto, o presidente teria um encontro rápido no pavilhão de autoridades com o ministro da Infraestrutura, presidente da Infraero, secretário nacional de Aviação Civil e diretor-presidente substituto da Anac.

Bolsonaro também vai visitar a pista principal do aeroporto, que acabou de passar por obras no pavimento. Ali, deve tirar fotos com operários do aeroporto. Na sequência, Bolsonaro embarca de volta para Brasília.

Reforma da pista central

 

A obra de recuperação do asfalto da pista principal do aeroporto de Congonhas começou no dia 5 de agosto. A pista foi interditada para pousos e decolagens, que foram transferidos para uma pista auxiliar.

O aeroporto de Congonhas segue com voos limitados por causa da pandemia de coronavírus. Se comparado o movimento de fevereiro com julho, houve uma redução de 100.000 %.

Em março, foram 9.935 voos. Em abril, caiu para 105 voos e em maio foram apenas 56 voos, menos de 2 por dia. Em junho começou a haver uma tímida recuperação de 748 operações de voos comerciais regulares.

O aeroporto de Congonhas foi inaugurado em 1936, mas começou a operar em 1934 depois de uma enchente ter atingido o aeroporto de Campo de Marte, na Zona Norte, que até então era o único aeroporto da cidade. A pista principal tem 1940 metros de comprimento por 45 metros de largura.

Por Fábio Turci, TV Globo — São Paulo

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*