Homem considerado maior estuprador em série de Goiás é condenado a 9 anos de prisão por um dos casos, diz MP

Crime julgado aconteceu em 2016, em Aparecida de Goiânia. Réu foi indiciado por outros 31 casos.

Considerado o maior estuprador em série de Goiás, Wellington Ribeiro da Silva foi condenado a 9 anos de prisão por um estupro que aconteceu em 2016 em Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital. Ele foi indiciado por outros 31 estupros e está preso na Penitenciária Odenir Guimarães (POG). Cabe recurso da decisão.

A audiência aconteceu na quinta-feira (24) por videoconferência. Portanto, o condenado participou do julgamento em conexão de dentro da própria POG.

A Defensoria Pública informou, por meio de nota, que “atua na defesa do sr. Welinton Ribeiro da Silva, em processo sigiloso, sobre o qual não faremos comentário, respeitando-se o art. 234-B do Código Penal”.

Há cerca de um ano ele chegou a admitir que cometia os crimes sempre usando o capacete de moto.

Segundo a denúncia do crime que foi julgado, a vítima é uma mulher que estava saindo de uma escola na Vila Romana, em Aparecida de Goiânia, quando foi abordada pelo autor do crime.

De acordo com o Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO), o criminoso estava sentado em sua moto usando o aparelho celular quando viu a vítima passar, sacou a arma e apontou para a cabeça dela anunciando um assalto.

Fonte: Focalá

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*