Agrodefesa e PM se unem para combater crimes contra produtores rurais

A Agência Goiana de Defesa Agropecuária (Agrodefesa) e o Batalhão Rural da Polícia Militar divulgaram que irão desenvolver ações conjuntas de cooperação tática e operacional. O objetivo, segundo eles, é de dar mais segurança aos produtores rurais.

Pelo acordo de atuação integrada, a Agência ficará responsável em reforçar as atividades que já são realizadas pela Polícia por meio do Programa Patrulha Rural, com suporte de informações técnicas, orientações sanitárias e dados cadastrais das propriedades.

Em videoconferência, a Agrodefesa ministrou um treinamento para 25 integrantes do Batalhão Rural, principalmente comandantes e coordenadores das equipes de unidades móveis da Patrulha Rural. Segundo a assessoria, foram abordados entre os temas: cuidados com os animais em caso de roubo, transporte, identificação de propriedades, medidas sanitárias em situações de emergência e outros aspectos legais nas operações de combate ao crime na zona rural.
O presidente da Agrodefesa, José Essado, afirma que a integração das ações com o Batalhão Rural segue orientação do governador Ronaldo Caiado. Assim, os produtores rurais devem estar mais seguros para realizar suas atividades.

Por A Redação

print