Polícia Federal realiza operação contra pornografia infantil na internet, em Goiás

A Polícia Federal realizou, na manhã desta quarta-feira (4), a operação Guardiões da Inocência II, que visa o combate à pornografia infantil na internet. Foram cumpridos cinco mandados de busca e apreensão em quatro cidades goianas: Goiânia, Catalão, Inhumas e Aparecida de Goiânia. Esta é a segunda fase da operação.

Em entrevista à TV Anhanguera o delegado Adriano Tarouco confirmou que um homem foi preso em sua casa, no parque Amazônia, na capital. Com ele, também foram apreendidos celulares, tabletes e HDs, os quais devem passar por perícia. Ele confirmou ainda que não há indícios de que os suspeitos tenham cometido crimes de abusos contra crianças ou adolescentes.

“Um programa que permite baixar o que quiser e o que você tem disponibilizar para os outros pegarem. Usando esse tipo de programa eles cometem o crime previsto de disponibilização de pornografia infantil na internet”, disse o delegado.

Como o nome do suspeito não foi divulgado, o G1 não conseguiu localizar a defesa dele.

Ao todo, 30 policiais federais participam da ação. Os investigados são suspeitos de utilizar programas de compartilhamento de arquivos para aquisição e disponibilização na internet de material contendo pornografia infantil, incluindo grupos de aplicativo de troca de mensagens.

Por Guilherme Rodrigues, TV Anhanguera

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*