EUA: republicano falecido de Covid-19 em outubro é eleito para o parlamento

O candidato republicano David Andahl de 55 anos, foi eleito para ocupar uma cadeira na Câmara estadual de Dakota do Norte (EUA). Mas, infelizmente, não poderá tomar posse: Andahl faleceu em 5 de outubro, vítima de complicações pelo novo coronavírus.

De acordo com o jornal The Independent, os resultados da manhã dessa quarta-feira (04/11) mostraram que Andahl e outro candidato do Partido Republicano, Dave Nehring, foram eleitos para os dois assentos no oitavo distrito de Dakota do Norte. Andahal recebeu 35,53% dos votos válidos.

O candidato venceu suas eleições primárias semanas antes de ficar doente e permaneceu na cédula eleitoral mesmo depois de sua morte, porque a votação antecipada já estava em andamento e as cédulas não podiam ser alteradas.

A missão de agora é encontrar o substituto. O Partido Republicano terá que se reunir e escolher uma pessoa para a vaga no parlamento. Ao jornal Bismarck Tribune, a mãe de Andahl, Pat Andahl, disse que, após sua morte, “não tinha idéia” de como seu filho contraiu o coronavírus, dizendo que ele tinha sido “muito cuidadoso” em meio à pandemia.

A mãe do Republicano disse ainda: “Ele tinha muitos sentimentos por seu condado e seu país e queria tornar as coisas melhores. Seu coração estava na agricultura. Ele queria as coisas melhores para os agricultores e para a indústria do carvão”.

Casos de coronavírus

Dakota do Norte registrou mais de 47.000 casos de coronavírus até o momento e só nessa terça-feira (3/11) acrescentou 1.100 novas infecções.Votação eleições no Estados Unidos - Eua

print