“Vacina vai completar as ferramentas que temos, não substituí-las”, diz OMS

Em tom de cautela após anúncios de que vacinas contra a Covid-19 teriam alcançado mais de 90% de eficácia em análises iniciais da fase 3, o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, afirmou que a imunização não será suficiente para acabar com a pandemia neste momento.

Tedros voltou a participar presencialmente do Conselho Executivo da OMS nesta segunda-feira (16/11), depois de passar 14 dias em quarentena, por ter tido contato com uma pessoa que testou positivo para a Covid-19.

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*