Maguito Vilela tem inflamação nos pulmões controlada, diz boletim médico

O prefeito eleito de Goiânia pelo MDB, Maguito Vilela, está com a inflamação nos pulmões controlada, segundo o boletim médico divulgado nesta sexta-feira (4) pelo hospital Albert Einstein, de São Paulo.

O diagnóstico foi feito após exames laboratoriais e de imagem demonstrarem “um controle no quadro inflamatório dos pulmões”. Maguito Vilela segue internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), sedado e entubado, com suporte da máquina ECMO para respirar, ligada nos parâmetros mínimos de funcionamento.

Como o político testou negativo para o coronavírus em dois exames recentes, ele foi transferido para uma UTI comum, em outra ala do hospital paulista. Maguito ainda está com uma abertura no pescoço feita por uma traqueostomia.

Histórico de internação

 

O político testou positivo para o coronavírus em 20 de outubro. Dois dias depois, foi internado em um hospital de Goiânia.

Em 27 de outubro, ele recebeu diagnóstico de até 75% de inflamação nos pulmões e um alerta para o nível crítico de saturação de oxigênio no sangue. No mesmo dia, foi transferido para São Paulo.

Em 30 de outubro, Maguito foi entubado, pela primeira vez, após piora no quadro respiratório. Em 8 de novembro, ele voltou a respirar sem o equipamento. O político apresentou piora e voltou à ventilação mecânica em 15 de novembro, dia da votação. Dois dias depois, o candidato iniciou o tratamento respiratório com ECMO, uma máquina que imita as funções dos pulmões.

Fonte: G1 Goiás

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*