Jovem é suspeito de atacar família da ex-namorada e matar locutor de rádio a tiros por não aceitar fim do namoro, em Mineiros

Um jovem de 23 anos é suspeito de atacar a família da ex-namorada e matar a tiros o padrasto dela – o locutor de rádio Laurency Silva de Souza, de 33 anos, dentro da casa da vítima, em Mineiros, no sudoeste de Goiás. A esposa do locutor, Sônia Souza, também foi atingida por um tiro no rosto e está internada em uma unidade de saúde da cidade. A Polícia Civil investiga o caso.

O crime aconteceu na madrugada deste domingo (6). Segundo o delegado João Paulo Mendes, o suspeito de cometer o crime é Jhonata Alves de Souza, de 23 anos, que é ex-companheiro da enteada de Laurency, conhecido como Antônio Filho Montanha. O jovem é procurado pela polícia.

“Por informações preliminares, esse locutor era casado com uma mulher que tem uma filha, e essa filha saiu da casa onde morava com esse homem [suspeito], veio para Mineiros fugindo do ex e ele veio atrás dela”, conta João Paulo.

“Ele acabou matando o locutor, deu um tiro na mulher dele, e só não conseguiu ferir a ex, pois ela se escondeu em um dos cômodos”, explica o delegado.

 

Laurency e a mulher Sônia Souza foram baleados em Mineiros, Goiás — Foto: Reprodução/Facebook

Laurency e a mulher Sônia Souza foram baleados em Mineiros, Goiás — Foto: Reprodução/Facebook

Ainda de acordo com o delegado, o suspeito fugiu logo após o crime e, até a tarde deste domingo, ainda não havia sido localizado. “O suspeito não foi localizado ainda, pois ele evadiu do local. Agora estamos em diligencias para poder encontrá-lo”, disse.

Durante a madrugada, a Polícia Militar esteve na casa da família, no Jardim Floresta, e isolou o local até a chegada da Polícia Civil. Foi realizada uma perícia para investigar mais detalhes sobre o crime.

A esposa do locutor foi internada ainda na madrugada. Ao G1, um funcionário da unidade onde Sônia Souza está informou, nesta manhã, que o estado de saúde dela é estável e que a paciente está “consciente e orientada”. Ainda segundo ele, um médico pediu uma tomografia da face para avaliar a extensão dos danos, além da necessidade de uma possível cirurgia.

O locutor trabalhava na Rádio Eldorado de Mineiros, que publicou uma nota manifestando “profundas condolências” à família enlutada.

 Fonte: G1 Goiás

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*