Segunda onda de Covid-19 tem letalidade menor que a primeira

Com a segunda onda da Covid-19 estabelecida no Brasil, a quantidade de novas infecções notificadas na última semana foi a quinta maior desde o início da pandemia. Entre 29 de novembro e 5 de dezembro, o Ministério da Saúde registrou 286,9 mil casos – o número ficou atrás apenas do período correspondente aos 28 dias entre 19 de junho e 15 de agosto, o auge da epidemia no país até o momento.

O índice de pessoas morrendo por causa da doença também está subindo, mas não com a mesma velocidade. A última semana computou 4.067 óbitos em decorrência da Covid-19, a 22ª semana mais letal desde que o novo coronavírus chegou ao Brasil. As informações são do Ministério da Saúde e foram analisadas pelo (M)Dados, núcleo de jornalismo de dados do Metrópoles.

Fonte: Metrópoles

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*