Vacina da Moderna deve ser a próxima a ter autorização de emergência nos EUA

Direitos autorais: AFP or licensors

A vacina da farmacêutica Moderna provavelmente será a segunda vacina contra a covid-19 a obter autorização para uso de emergência nos Estados Unidos, o que deve acontecer no final desta semana, segundo a agência de notícias Dow Jones.

A agência reguladora de medicamentos dos EUA (Food and Drug Administration, FDA) tem em mãos um estudo clínico com 30 mil voluntários que tomaram a vacina. Os dados serão analisados na quinta-feira (17) por um comitê externo de consultores médicos e científicos, de acordo com a Dow Jones. O mesmo grupo aprovou, na semana passada, por 17 votos a 4, a autorização de uso emergencial da vacina da Pfizer.

As primeiras vacinações nos EUA usando a injeção da Pfizer fora dos testes clínicos começaram ontem (14). A pandemia já matou cerca de 300 mil pessoas nos Estados Unidos e mais de 1,6 milhão em todo o mundo.

A Moderna disse que sua vacina experimental contra a covid-19 foi 94,1% eficaz na proteção das pessoas contra a doença. A nova tecnologia da Moderna, como a da Pfizer e da BioNTech, emprega o RNA mensageiro, que instrui as células humanas a produzir uma proteína do tipo encontrado nas células do coronavírus para enganar o corpo e fazer com que ele crie uma resposta imunológica.

 — Foto: Getty Images
— Foto: Getty Images

Por Valor Investe

print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*