Governo inclui novos grupos prioritários em plano nacional de vacinação contra Covid-19

Novos grupos prioritários e a previsão de utilização da CoronaVac foram incluídos na nova versão do Plano Nacional de Vacinação contra a Covid-19, que foi oficialmente apresentado nesta quarta-feira (16).

Os dois acréscimos são as principais mudanças em relação ao que o Ministério da Saúde já havia apresentado na semana passada por determinação do Supremo Tribunal Federal (STF).

Além disso, atual versão do plano também excluiu a lista com nomes de pesquisadores citados no documento como colaboradores. No sábado, o grupo divulgou nota dizendo que não foi consultado.

Ainda durante a apresentação do plano, outra polêmica com a comunidade científica foi abordada: o governo afirmou que o “termo de responsabilidade” ainda será exigido de quem tomar vacina que tiver aprovação com o status de “uso emergencial”. Especialistas são contra a exigência de assinatura de um termo.

Novos grupos prioritários

 

Na atualização do plano, foram incluídos entre as prioridades da campanha de vacinação:

  • comunidades tradicionais ribeirinhas;
  • quilombolas;
  • trabalhadores do transporte coletivo;
  • pessoas em situação de rua;
  • população privada de liberdade.

 

Além dos novos grupos, permanecem entre os prioritários:

Fonte: G1
print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*