OMS sobre Covid-19: “Próximos três a seis meses vão ser difíceis”

Em entrevista coletiva na tarde desta sexta-feira (18/12), o diretor de emergências da Organização Mundial de Saúde (OMS), Michael Ryan, afirmou que os próximos 3 a 6 meses da pandemia de Covid-19 serão difíceis.

Segundo ele, a transmissão provavelmente vai se intensificar neste período em locais onde o vírus ainda está circulando. Países que tiveram sucesso no controle do coronavírus também não têm garantia de sucesso no futuro. “O que importa é o que estamos fazendo agora”, afirma.

Ryan tranquilizou países que não tiveram acesso à vacina até o momento, lembrando que esta primeira leva do imunizante tem quantidade limitada e preço alto. O diretor de emergências diz que “o que se perde no começo pode ser recuperado em efetividade e velocidade no final. Não podemos encarar como um jogo de vencedores e perdedores”.

Fonte:Metrópoles
print

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*