Saúde prevê entregar em março 38 milhões de doses de vacinas, 8 milhões a menos da última previsão

O Ministério da Saúde divulgou nesta quinta-feira (4) um novo cronograma para a entrega de 38 milhões de doses de vacinas em março. Há uma redução de quase oito milhões de doses em relação ao que foi divulgado em fevereiro.

Segundo o Ministério, quatro milhões de doses da Astrazeneca que seriam importadas da Índia não devem chegar a tempo.

Além disso, a Fiocruz, que produz o imunizante no Brasil, recebeu insumos da China com atraso.

O governo também contava com quatrocentas mil doses da Sputinik V, que só devem chegar em abril.

 

Fonte: G1

print