Homem é preso suspeito de matar os pais da ex-mulher, em Porangatu

A Polícia Militar prendeu um homem de 43 anos que é considerado suspeito de matar um casal em Porangatu, no norte de Goiás. Segundo a PM, as vítimas eram os pais da ex-mulher do investigado, que foi detido na terça-feira (9), após quatro dias de buscas.

O nome do preso não foi divulgado. Por isto, o G1 não conseguiu descobrir quem é responsável pela defesa dele para pedir uma posição sobre o caso.

Segundo registrado pela Polícia Civil, o casal foi encontrado morto no sábado (6), em uma casa que estava com a porta arrombada em um assentamento na zona rural de Mundo Novo, também no norte goiano. No documento não cita se as vítimas moravam no local em que foram achadas mortas. De acordo com a corporação, o homem morto tinha 65 anos e a mulher, 56.

G1 procura o delegado responsável pelo caso para descobrir detalhes sobre a motivação e a forma como as vítimas foram mortas, mas até a publicação desta reportagem o responsável não havia sido localizado para comentar sobre o processo.

Buscas

 

O registro na Polícia Civil determinava que as buscas pelo autor continuassem, uma “vez que a situação flagrancial dos crimes praticados ainda se fazia presente”.

Segundo a PM, as buscas continuaram por quatro dias até que as equipes receberam informações de que o autor estaria em região conhecida como Serra da Sabina. Eles abordaram alguns carros que passavam pela GO-353 em busca do investigado e conseguiram prender o suspeito, que tinha um mandado de prisão em aberto por outro crime, não divulgado.

Fonte: G1 Goiás

print