Vereadores de Senador Canedo denunciam tentativa de coação por funcionários públicos

Durante a sessão plenária da Câmara de Senador Canedo desta terça, 06, o vereador Reinaldo Alves (DEM) denunciou que vem recebendo ataques e tentativas de coação de funcionários que segundo ele são ligados ao prefeito Fernando Pellozo (PSD).

O parlamentar alega que isto vem após ele declarar oposição ao governo e avaliar as denuncias que tem recebido da população sobre supostas ilegalidades no poder executivo. “O meu posicionamento é para que o cidadão que tomar conhecimento de qualquer fato relevante, e vir fazer a denuncia, venha a esta casa que faça essa investigação, somos representantes do povo.”, salienta.

Outro vereador, Leonardo Assunção (PL) ressaltou em fala no plenário que também tem sofrido os ataques, e que comunga com as palavras de Reinaldo Alves. “tenho recebido insultos de assessores do prefeito, e pergunto, será que é o governante que está ordenando essas calunias”, comenta.

Leonardo pediu para que se realize uma ação contra servidores públicos comissionados, que tem realizado insultos contra os legisladores de acordo com ele. “Eu presenciei o segurança pessoal chamando todos os membros desta casa de bandidos e falando que estamos atrás de dinheiro, estamos é fiscalizando, não podemos aceitar esses insultos de quem quer nos calar”, desabafa. O parlamentar ressalta que o direito de se manifestar é livre, mas ameaças e injúrias já cabe ações e foge do campo moral e legal.

O presidente da Câmara de Senador Canedo, Carpegiane Silvestre (DEM), não se manifestou sobre o assunto durante a sessão.

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: O Hoje

print