Casal é preso suspeito de agredir e assaltar idoso de 91 anos em Rio Verde

Um homem e uma mulher, ambos de 28 anos, foram presos suspeitos de invadir a casa do idoso Lázaro Francisco da Silva, de 91 anos, agredi-lo e roubar cerca de R$ 100 dele em Rio Verde, no sudoeste de Goiás. Segundo a Polícia Militar, os autores confessaram o assalto, mas não as agressões, e disseram que usaram o dinheiro para comprar drogas.

G1 não conseguiu localizar os presos ou as defesas deles para pedir um posicionamento sobre o caso.

A situação ocorreu na segunda-feira (5). O tenente Luis Eduado Moreira Silva, que participou da prisão do casal, disse que a vítima relatou que conhecia a mulher de vê-la pela rua e que ela lhe pediu um café, ele a convidou para entrar e lhe serviu a bebida, mas que em seguida foi ao banheiro e não se lembra de mais nada.

Ainda segundo o PM, uma testemunh viu o casal saindo da casa da vítima e entrou para ver o que havia acontecido.

“A testemunha chegou lá e encontrou o senhor no chão, todo machucado. Ele teve a perna quebrada e vários hematomas pelo corpo”, relatou.

 

Também de acordo com o policial, a vítima foi socorrida, levada a uma unidade de saúde, onde trata dos ferimentos, mas passa bem e está se recuperando.

Imagens de câmeras de monitoramento colhidas na região mostraram aos PMs os dois suspeitos indo embora da casa da vítima. A corporação fez buscas na região e encontrou o casal, que confessou ter assaltado o idoso.

De acordo com depoiemnto dos presos aos PMs, o dinheiro que fora roubado já havia sido usado na compra de drogas, por isso não pode ser recuperado.

Também de acordo com o tenente, os investigados eram procurados suspeitos de um homicídio. Ao serem presos em flagrante pelo assalto, a PM também cumpriu esse mandado de prisão que estava em aberto.

Fonte: G1 Goiás

print