Versão do aplicativo Clubhouse para Android chega ao Brasil nesta terça-feira

A rede social de envio de áudios Clubhouse, o mais jovem frisson internacional dos aplicativos de interação e troca de mensagens, prometeu o lançamento de sua plataforma para Android no Brasil para esta terça-feira (18).

O país será um dos primeiros fora da língua inglesa a receber a versão do aplicativo para Android. Com apenas um ano de vida, o Clubhouse, até o início deste mês, existia apenas na versão para iPhone. Em 10 de maio, a plataforma, que funciona ainda em sistema beta, ou seja, em fase de testes, informou o lançamento para Android nos Estados Unidos e outros países que falam inglês.

Em seu Twitter, o Clubhouse anunciou no domingo (16) que o Brasil, juntamente com Japão e Rússia, é o próximo da lista a ter o download para Android liberado nesta terça. Nigéria e Índia, na sequência, passarão a ter o acesso a partir da sexta-feira de manhã e, na tarde da mesma sexta, o app estará liberado para todo o restante do mundo.

Só áudio

Diferentemente de seus antecessores no universo das redes sociais, como Facebook ou Instagram, o Clubhouse não aceita vídeos, fotos ou textos. Ele permite apenas conversas por voz. Além de crescer rápido do mundo, ganhou fama extra no começo deste ano depois de cair no gosto de celebridades como Elon Musk, Oprah Winfrey e Chris Rock.

Por enquanto, o acesso à plataforma é restrito e só consegue entrar quem recebe um convite, embora o download nas lojas de aplicativos seja livre.

“Nosso plano nas próximas semanas é acompanhar as impressões da comunidade, corrigir eventuais problemas e trabalhar para acrescentar alguns últimos recursos, como pagamentos e criação de clubes, antes de um lançamento mais amplo”, informaram os fundadores da plataforma, em um post em seu blog, à época do lançamento da versão Android nos Estados Unidos, no início de maio.

O Clubhouse foi fundado em março do ano passado por Paul Davison e Rohan Seth, ex-funcionário do Google e empresário do Vale do Silício, respectivamente. Em 4 de abril, bateu o recorde de 13 milhões de downloads mundialmente.

 

Fonte: CNN

print