Doria toma sol sem máscara em hotel do Rio e é alvo de críticas nas redes sociais

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), foi fotografado sem máscara na área da piscina do hotel Fairmont, em Copacabana, Zona Sul do Rio, neste final de semana.

Em nota, ele informou que estava em “momento de descanso com a esposa e não promoveu nenhum tipo de aglomeração”.

Doria é defensor das medidas de distanciamento e já criticou o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), por realizar atos sem máscara e causar aglomerações, desrespeitando as recomendações de especialistas.

O governador de São Paulo foi fotografado em uma área comum, onde aparecem outras pessoas, e foi criticado por bolsonaristas em redes sociais. Sem citá-lo nominalmente, o senador Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ) escreveu:

“‘Lockdown, fome e desemprego pra você, marquinha pra mim…’ Duvido você acertar quem é esse tomando vitamina D! Sabe?”

Até 14h30, o hotel Fairmont não respondeu a reportagem.

O que diz a lei no Rio

 

Uma resolução conjunta do município e do governo do estado obriga o uso de máscara facial, com a exceção de “locais abertos aonde se garanta a distância superior a 4,0 m” entre as pessoas.

As medidas restritivas no município variam de acordo com o risco divulgado semanalmente pela Prefeitura, às sextas, em seu boletim epidemiológico. Atualmente, a cidade está em risco alto para Covid-19.

Em risco alto, as piscinas podem funcionar:

  • com metade da capacidade
  • com adoção de práticas que incentivem a limpeza dos equipamentos de uso coletivo
  • incentivando a realização de atividade em ambiente aberto
  • ampliação do horário de funcionamento
  • sem uso de máscara, desde que haja distância de 4m entre as pessoas

 

Fonte: G1

print