Jogador da Seleção Italiana é acusado de estuprar mulher de 20 anos

O jogador italiano Manolo Portanova é acusado de estuprar uma jovem de 20 anos. O atleta, que já defendeu a Juventus e as seleções de base da Itália, está preso com mais três suspeitos de terem cometido o crime.

Portanova está em prisão domiciliar. O crime teria ocorrido no final de uma festa na cidade de Siena. Um parente menor de idade do jogador, além de um primo e um amigo, também estão detidos. Um dos acusados negou o crime e outro não quis responder.

Portanova será interrogado na segunda-feira (14/6). Os investigadores interrogam pessoas que estavam na festa e vão averiguar os telefones dos investigados.

Manolo Portanova jogou na base de Juventus e se transferiu para o Genoa em 2020 e é titular da seleção sub-20 da Itália.

 

Fonte: Metrópoles

print