ONG abre inscrições para bolsas de estudo de ensino médio destinadas a estudantes de baixa renda, em Goiás

O Instituto Ser Tão Grande abre, nesta segunda-feira (14), o período de inscrições para concorrer a bolsas de estudo de ensino médio em Goiás. Estudantes de baixa renda da rede pública do estado podem se inscrever de graça no site do entidade.

Para participar do processo seletivo, o aluno deve estar matriculado na rede pública de ensino de Goiás, cursar o 9º ano do ensino fundamental e ter entre 12 e 15 anos. Outro requisito é a comprovação de renda máxima de 1 salário mínimo e meio por cada pessoa da família.

As inscrições podem ser feitas até dia 1º de setembro. Os selecionados ganharão bolsa educacional multidisciplinar durante todo o ensino médio, ou seja, do 1º ao 3º ano, além de participar de programas de desenvolvimento pessoal e orientação profissional até o ingresso na universidade.

A bolsa também inclui cursos de inglês e pré-vestibular, específica de redação, biblioteca virtual e simulados. Os contemplados podem optar por continuar os estudos na rede pública ou ingressar na rede privada de ensino.

“O instituto dá bolsa, mentoria, curso de inglês e plataforma com aulas de redação. Estamos muito orgulhosos em ajudar jovens a atingirem seu potencial”, ressalta o fundador do Instituto Ser Tão Grande, Ismael Cavalcante.

 

O instituto é uma entidade privada sem fins lucrativos que nasceu da ideia de dois jovens goianos e é mantido por meio de doações. Os jovens selecionados contarão com uma rede de mentoria formada por profissionais expoentes em suas carreiras e pessoas com experiência em universidades de referência mundial, como Harvard e Columbia, localizadas nos Estados Unidos.

Seleção

 

O processo seletivo será feito em cinco etapas. Após o cadastro no site do instituto, haverá o período de provas on-line, que vão ocorrer entre os dias 6 e 29 de setembro. Serão 15 questões de múltipla escolha de matemática, 15 de português e questões socioemocionais (não eliminatório).

Nos dias 4 e 27 outubro haverá uma dinâmica on-line compostas de três a quatro alunos com duração de 1 hora. A prova final está prevista para ser aplicada entre 1º e 21 de novembro, com 25 questões de múltipla escolha de português e interpretação de textos, 25 de matemática e uma redação.

Ao fim da seleção, haverá a entrevista final de 29 de novembro a 12 de dezembro com 30 minutos de duração que será feita com os membros do instituto.

Há critérios como desempenho acadêmico, socioeconômico e de habilidades socioemocionais que devem ser cumpridas em cada etapa específica.

Fonte: G1 Goiás

print