Atual gestão da SSP de Goiás apreende mais de 136 toneladas de drogas em dois anos e seis meses

Em dois anos e seis meses de serviço da atual gestão da Secretaria de Segurança Pública do Estado de Goiás (SSP) mais de 136 toneladas de drogas foram apreendidas no estado. A quantidade de entorpecentes apreendidos equivalem, aproximadamente, a 6 caminhões ‘truck’ de eixo duplo com comprimento de 14 metros. De acordo com Rodney Miranda, secretário de Estado da Segurança Pública, além de demonstrar um prejuízo para as organizações criminosas, as operações realizadas contribuem para o restabelecimento da segurança da população.

No primeiro semestre de 2021, as ações da secretaria fizeram sair de circulação mais de 25 toneladas de entorpecentes. Neste período, houve, ainda, aumento de 94% nas apreensões de cocaína no Estado, na comparação com produtividade do mesmo período do ano passado.

Entre os principais fatores responsáveis pelo resultado positivo está a maior liberdade concedida pela atual gestão do Governo do Estado às forças policiais. Para o governador Ronaldo Caiado, as ações adotadas contribuem para o desmantelamento de associações criminosas que agiam por anos no Estado. “Um governante que se acovarda diante das facções não tem prerrogativa para governar. A sociedade precisa que as forças de segurança tenham total autonomia de ação”, destaca.

Ainda segundo o chefe do Executivo estadual, o trabalho das forças de segurança tem auxiliado na missão de devolver Goiás aos goianos. “Aqueles que se sentiam donos do pedaço, acima da lei e que muitas vezes tinham a prerrogativa de ameaçar as estruturas de Estado, tiveram por parte do Governo de Goiás a ação inteligente, articulada e eficiente, dentro daquilo que a lei determina, mas sem deixar que bandido crescesse e tomasse cada vez mais o espaço do cidadão, que não tinha tranquilidade para sair de casa”, ressalta.

Uma das principais apreensões foi realizada por equipes do Comando de Operações de Divisas (COD), da Polícia Militar (PMGO), em fevereiro deste ano. Na ocasião, os militares interceptaram um carregamento com aproximadamente 2,4 toneladas de maconha, na zona rural da cidade de Guapó. A droga era levada em uma camionete de Ponta Porã, no Mato Grosso do Sul, até Brasília (DF). O veículo usado na ação criminosa, que possuía registro de roubo, também foi apreendido.

Outro destaque foi a apreensão de 3 toneladas de maconha, por equipes do 15º Batalhão da PMGO, em Jataí, no Sudoeste Goiano. A droga estava em uma camionete, escondida em uma região de mata, próximo à GO-050. Os militares descobriram o carregamento após o recebimento de denúncia anônima. Um homem, que seria o responsável pelos entorpecentes, foi preso em flagrante e conduzido à Delegacia de Polícia Civil do município.

Durante a Operação Narco Brasil, realizada em junho deste ano, as forças policiais apreenderam em Goiás cerca de 1,6 tonelada de entorpecentes, além de 13 mil unidades de drogas sintéticas – ecstasy e LSD). Foram cumpridos diversos mandados de busca e apreensão que culminaram na prisão de 198 pessoas, além da apreensão de armas e munições. A operação foi coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública e realizada de forma simultânea em todo o País.

 

Fonte: O Hoje

print