“Assunto da CBF”, diz campeões olímpicos sobre polêmica dos uniformes

A grande polêmica das Olimpíadas, envolvendo os brasileiros, aconteceu no último sábado (7/8), e ecoou no desembarque da Seleção Brasileira em São Paulo, na manhã desta segunda-feira (9/8).

Após não utilizarem a uniforme do Comitê Olímpico Brasileiro, os bicampeões olímpicos utilizaram a vestimenta da Confederação Brasileira de Futebol para receberam a medalha de ouro, o que gerou atritos entre as duas entidades e críticas por parte de Galvão Bueno, comentaristas e atletas.

E é claro que os jogadores foram abordados para comentarem a sobre a polêmica. Porém, segundo o UOL, eles fugiram do assunto e deixam claro que isso é um assunto para a CBF resolver.

“Estes são problemas que nós atletas não podemos resolver. São pessoas que estão acima da gente que podem responder. Estamos ali para servir e tentamos servir da melhor maneira possível, conseguir o objetivo que a gente tanto sonhava”, disse Daniel Alves.

“Esse assunto fica para a CBF, o mais importante no pódio era a medalha, e nós conseguimos a de ouro”, respondeu Claudinho, recém anunciado pelo Zenit, da Rússia.

 

Fonte: Metrópoles

print