Eficácia da primeira dose cai de 50% para 35% com variante Delta, diz estudo

Um estudo divulgado ontem na revista New England Journal of Medicine indica que a proteção dos imunizantes da Pfizer e da AstraZeneca em relação à variante Delta é menor do que diante de outras variantes.

Pesquisa levou em conta 150 mil pessoas que receberam as duas doses de um dos imunizantes.

Em relação à variante Alfa, que surgiu no Reino Unido, a proteção é de 50% com apenas uma dose. A eficácia da dose única cai para entre 30% e 35% em relação à variante Delta, que surgiu na Índia.

Após a segunda dose, no entanto, a diferença entre os resultados do enfrentamento da Alfa e da Delta diminui de forma consistente.

Com a Pfizer, a cepa Delta impôs uma queda de 93,7%, obtida contra a Alfa, para 88% de proteção. Com a AstraZeneca, a redução foi de 74,5%, com a cepa originária do Reino Unido, para 67% na indiana.

 

Fonte: O Antagonista

print