Operação cumpre mandado de busca e apreensão na casa do secretário de saúde de Goiás

A Polícia Civil do Distrito Federal cumpriu nesta quinta-feira (26) um mandado de busca na casa do secretário estadual de Saúde de Goiás, Ismael Alexandrino, que mora no condomínio Aldeia do Vale, em Goiânia.

Alexandrino disse que está em Brasília para uma reunião da comissão bi-partite de saúde e não acompanhou a busca em sua residência.

Além do pen drive, o secretário informou que apreenderam também uma espingarda. “Era do meu pai, que morreu e deixou de herança. Ela tem documento, mas é antigo. Os agentes disseram que não há crime com ela, que foi procedimento administrativo. Posso ir buscá-la depois”.

A Operação Medusa investiga uma contratação – supostamente superfaturada – de empresas de radiologia e imagem pelo Instituto de Gestão Estratégica em Saúde do Distrito Federal (Iges-DF). Os agentes cumpriram oito mandados de busca e apreensão em Brasília e Goiânia.

A suspeita é de que as contratações irregulares tenham ocorrido em 2018. À época, o Iges-DF se chamava Instituto Hospital de Base (IHBDF) e estava à frente apenas desta unidade de saúde.

Fonte: Ocorrências Policiais

print