Narrador esportivo Cunha Filho morre em Goiânia aos 66 anos

Na manhã desta quinta-feira (28), o narrador esportivo Cunha Filho morreu em Goiânia vítima de complicações de um ataque vascular cerebral (AVC) que ele sofreu no dia 25 de setembro. Desde então, o narrador de 66 anos, que era conhecido como “Peito de Aço”, lutava para sobreviver, porém não resistiu.

Natural de Ponte Alta, no Tocantins, Cunha Filho se destacou na narração em Goiás, principalmente por sua vibração durante os jogos. Na capital goianiense, ele trabalhou nas principais rádios, como Brasil Central, Difusora, Rádio K, Rádio Bandeirantes, além de outras.

A perda foi lamentada por inúmeros companheiros de profissão. A Federação Goiana de Futebol também deixou sua nota de pesar. “A FGF lamenta falecimento do locutor esportivo Senandro Cunha Filho, o “Peito de Aço”, que teve passagem por diversas rádios de Goiânia. A FGF se solidariza com amigos, familiares e companheiros de crônica esportiva por essa irreparável perda”, destacou a nota da FGF.

O Governador Ronaldo Caiado também emitiu uma nota nas suas redes sociais pela morte do radialista. “Eu e minha esposa, Gracinha Caiado, manifestamos aqui os nossos sentimentos aos familiares, amigos, profissionais do rádio e ouvintes de Cunha Filho. Que Deus, em sua infinita bondade, possa confortar o coração de cada um de vocês neste momento de consternação e pesar”, concluiu a nota do governador em suas redes sociais.

Fonte: Mais Goiás.

print