Universidade expulsa alunos suspeitos de fraude em curso de medicina

Goiânia – Os 19 estudantes suspeitos de fraudar documentos para conseguir transferência para o curso de medicina na Universidade de Rio Verde (UniRV), no sudoeste goiano, foram expulsos da instituição de ensino superior. Alguns dos alunos confessaram ter pagado até R$ 60 mil para conseguirem documentos falsos que os beneficiavam no processo de seleção.

Nesta sexta-feira (29/10), em audiência de custódia, a Justiça de Goiás manteve a prisão dos 19 suspeitos. No total, a Polícia Civil prendeu 17 estudantes em Formosa, no Entorno do Distrito Federal (DF); 1, em Goianésia, a 175 km de Goiânia; e 1, em Barreiras, na Bahia.

Também nesta sexta, a UniRV divulgou a lista dos alunos que tiveram a matrícula cancelada.

Veja abaixo:

  1. André Luiz Martins Diniz
  2. Antônio Carlos Alves da Silva Júnior
  3. Cláudia Rose Conceição de Oliveira
  4. Clevia Maria de Sousa
  5. Fabiana Barro Lescano Campos
  6. Fabiano Alexandre Lanziani das Neves
  7. Igor Oliveira da Costa
  8. Leonardo Moraes Bogas Marques
  9. Leonardo Siqueira Campos
  10. Letícia Karoline Menezes da Costa Alves
  11. Marjorie Christine Medeiros Silva
  12. Pedro Lopes Pratti Vieira
  13. Raianne Sartório Diniz
  14. Raphael Alves Pereira
  15. Rodrigo Ferreira Silva Cabral
  16. Stenio de Souza Matos
  17. Vanessa Borges Lima Lanziani
  18. Victor Luis Vicente Batista Alencar
  19. Weber Moisés Rodrigues Rezende

Por meio de nota à comunidade, publicada no site da instituição, a UniRV alega que a decisão foi tomada após identificar “inconsistência nos documentos apresentados por candidatos às vagas de Transferência Externa”. Além disso, citou que o inquérito policial trouxe “robusto conteúdo probatório, revelando a gravidade dos fatos”.

Fonte: Metropoles.

print