Nota de Repudio!

O Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de Goiás vem a público repudiar a conduta de Augusto Oliveira, investigado pelos crimes de maus tratos a cachorros com resultado em morte (previsto no artigo 32, §1º-A e §2º da lei 9605/1998), furto (previsto no artigo 155 do Código Penal) e porte ilegal de arma de fogo de uso restrito (previsto no artigo 16 da lei 10.826/03), na cidade de Formosa-GO.

O investigado, de forma leviana, utilizando-se das redes sociais e da imprensa, ofendeu a honra dos delegados Paulo Henrique Ferreira dos Santos e José Antonio Machado Sena, coordenadores da investigação.

O Sindepol enaltece o trabalho sério e eficaz dos Delegados de Polícia José Antônio e Paulo Henrique na referida investigação, que na data de hoje culminou na prisão em flagrante do investigado por porte ilegal de arma de fogo de uso restrito.

 

Goiânia, 17 de novembro de 2021.

Pedro Garcia Caires
Presidente do Sindepol

 

Fonte: Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de Goiás.

print