Datafolha: Norte e Centro-Oeste tiveram mais reinfecções por Covid-19

Pesquisa Datafolha publicada neste domingo (16) pelo jornal “Folha de S.Paulo” revela que o Norte e o Centro-Oeste foram as regiões do país que tiveram mais reinfecções por Covid-19: 14% das pessoas contaminadas dizem ter contraído a doença duas vezes. Em outras regiões, essa parcela alcança no máximo 9%.

A pesquisa foi feita por telefone nos dias 12 e 13 de janeiro, com 2.023 pessoas de 16 anos ou mais em todos os estados do Brasil. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Ante à pergunta: “quantas vezes você pegou o coronavírus?” responderam “duas vezes” 14% no Norte/ Centro-Oeste, 9% no Sudeste, 8% no Nordeste e 6% no Sul. Responderam “uma vez” 85% no Norte/Centro-Oeste, 90% no Sudeste, 91% no Nordeste e 93% no Sul.

O Datafolha explica que a pesquisa não separa as regiões Norte e Centro-Oeste porque não haveria um número suficiente de entrevistas para uma análise segura.

Segundo o Datafolha, Norte e Centro-Oeste registram também o maior percentual de pessoas que afirmam ter se infectado, com ou sem a confirmação do teste (41%), diante de 28% no Sudeste e no Nordeste e de 27% no Sul. Têm ainda a maior parcela de pessoas que ficaram doentes e não fizeram o exame (9%).

No sábado (15) a mesma pesquisa apontou que um em cada quatro brasileiros com 16 ou mais anos de idade diz ter sido diagnosticado com Covid desde o início da pandemia, o que representa cerca de 42 milhões de pessoas infectadas. O número é quase o dobro do total de casos registrados oficialmente no país. Isso se deve em parte à subnotificação dos dados oficiais.

Número de contaminados pela Covid pode ser o dobro do que registram os números oficiais, diz Datafolha
Número de contaminados pela Covid pode ser o dobro do que registram os números oficiais, diz Datafolha

O detalhamento da pesquisa por região revela ainda que a região Sul tem uma maior rejeição às vacinas contra a Covid: 4% não tomaram a vacina e não pretendem tomar, contra 3% no Norte/Centro-Oeste, 2% no Nordeste e 1% no Sudeste.

Também na região Sul 21% afirmam que as crianças não deveriam ser vacinadas, contra 20% no Centro-Oeste/Norte, 18% no Nordeste e 14% no Sudeste.

De acordo com o Datafolha, o Sul também tem a maior parcela de pessoas que dizem não sentir medo do vírus (22%), que dizem só usar máscara de vez em quando ao sair de casa (17%) e que são contrárias à cobrança da vacinação para entrar em locais fechados, como escritórios, bares, restaurantes e shows (22%).

Fonte: Portal G1.

print