Covid-19: Mesmo com decreto, Festival Vaca Amarela vai acontecer a partir desta sexta-feira, 21

Mesmo com o novo decreto da Prefeitura de Goiânia, diante da piora do quadro de Covid-19 na capital, está mantido Festival Vaca Amarela. Pelo menos é o que dizem os organizadores do evento nas redes sociais. “Cancelar um evento ou adiar não é uma varinha mágica ou um botão que você aperta e cancela. Tem várias questões contratuais, precisa de um decreto municipal, uma decisão judicial para que as cláusulas de contratos possam ser atendidas. O evento envolve mais de 500 profissionais”, postou o perfil oficial do evento no Instagram.

As bandas se apresentam no Centro Cultural Oscar Niemeyer, com show de abertura de Gloria Groove, no dia 21 de janeiro, sexta-feira. Karol Conka e a banda de hardcore Dead Fish subiriam ao palco no dia 22 de janeiro, sábado.

Entre as ações propostas pelos organizadores para a realização do 20° Vaca Amarela nos dias 21 e 22 de Janeiro estão:
– Funcionamento com 50% da capacidade total do espaço. Limitando o público em 2500 pessoas por dia.
– Testagem de equipe e artistas
– Posto de testagem na entrada do evento.
– Venda de ingressos somente on-line evitando aglomeração;
– Uso de sistema online de compra de tickets de bebida e alimentação e sistema de cartão de consumo, evitando circulação de fichas, dinheiro e filas.
– Bares e praça de alimentação em ambiente aberto, arejado e com mesas e cadeiras.
– Não trabalharemos com sistema open bar em nenhuma área do evento.
– obrigatoriedade de uso de máscara na área comum e de circulação. Incluindo backstage e camarins.
– Fiscalização rígida no evento com equipe orientando o público quanto ao isso da máscara e álcool 70 %
– Equipe de limpeza cuidando e dando manutenção em banheiros e áreas comuns durante o evento.
– Fornecimento de máscara PFF(2500 unidades por dia) na entrada do evento para todo o público e equipe, além de álcool 70 % em todo ambiente(250 frascos por dia) principalmente na entrada, a das de bar, caixas, camarins, palco.
– exigência de apresentação de comprovante de vacinação completa contra Covid-19 ou laudo contendo resultado “negativo, não reagente ou não detectado”, de exame RT-PCR nas últimas 72 horas;

Fonte: Poder Goiás.

print