Nove comandos regionais da PM passam por alterações

A Polícia Militar trocou o comando de nove regionais da corporação em uma única portaria, publicada nesta quinta-feira (20/1). A mudança foi anunciada pela Secretaria de Segurança Pública do Estado de Goiás (SSP) apenas na tarde desta sexta-feira (21/1).

Das nove nomeações, cinco são de coronéis ou tenente-coronéis que já ocupavam cargos de comando e foram apenas transferidos. E dois destes cinco estavam respondendo cada um por dois comandos cumulativamente.

O coronel Durvalino Câmara deixou o comando do 19º Comando Regional da Polícia Militar (CRPM), em Caldas Novas, para assumir o 1º CRPM, em Goiânia. Câmara já foi comandante das Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam). Para seu lugar, em Caldas, foi encaminhado o tenente-coronel Raimundo Coelho Pinto Júnior.

O tenente-coronel Franz Augusto Marlus Rasmussen Rodrigues, que havia sido exonerado do comando da Diretoria Geral de Administração Penitenciária (DGAP) no final de novembro, assume o comando do 18º CRPM, em Uruaçu. Rasmussen ficou menos de um ano no cargo na DGAP e antes ocupava o de superintendente de Segurança Militar da Secretaria de Estado da Casa Militar.

Já o coronel Ênio José Carlos Hans deixa o comando do 4º CRPM, em Cidade de Goiás, para assumir o 16º CRPM, em Trindade. Hans já foi comandante do 22º Batalhão da PM em Trindade, quando era major, até ser promovido a tenente-coronel em 2018.

No lugar de Hans, assume o tenente-coronel Carlos Henrique Gorosthides de Moura, que estava no subcomando do Comando de Apoio Logístico e Tecnologia de Informações (Calti). Na portaria não há nomeação para o subcomando.

O coronel Maximiliano de Souza Fernandes, que assume o 11º CRPM, em Formosa, acumulava dois comandos, o do 10º CRPM, em Ceres, e o 12º CRPM, em Porangatu. Já o tenente-coronel Paulo Cezar Lopes, que foi transferido para comando em Ceres, estava neste mesmo cargo no 18º CRPM (Uruaçu) e no 14º Batalhão da PM. Ambos agora seguem no comando de apenas uma unidade, cada um.

A solenidade que marcou as transferências foi feita no Quartel do Comando-Geral da PM-GO, nesta sexta-feira (21). Em nota, a SSP informou que estas mudanças são “readequações dos postos de comando da corporação” que “vêm acontecendo desde o início da gestão, como parte integrante de um planejamento estratégico da segurança pública, convalidado pelo governador Ronaldo Caiado”. Não foi dado mais detalhes sobre as motivações para as trocas.

Fonte: Poder Goiás.

print