Paes entrega chaves da cidade ao Rei Momo e carnaval é declarado aberto no Rio

O carnaval foi declarado oficialmente aberto no Rio de Janeiro nesta quarta-feira (20). O prefeito Eduardo Paes entregou a chave da cidade ao Rei Momo no Palácio da Cidade, em Botafogo, na Zona Sul do Rio. A cerimônia marca o tradicional início da folia.

“O rei momo assume a partir desse momento o carnaval carioca até a próxima segunda feira. Quero dizer com orgulho que o maior espetáculo da Terra voltou, e vai ter carnaval. Viva o carnaval carioca”, disse o prefeito.

 

O prefeito falou ainda sobre os dois anos sem carnaval.

“Passaram-se alguns anos sem que essa cerimônia pudesse acontecer. O carnaval é a maior manifestação cultural da nossa gente, o maior símbolo do nosso país. O carnaval não depende desses personagens, mas é muito importante que a gente esteja vivendo esse momento”, disse.

Rei Momo recebe a chave do Rio — Foto: Henrique Coelho/g1 Rio

Rei Momo recebe a chave do Rio — Foto: Henrique Coelho/g1 Rio

 

“Vocês não sabem o quanto eu esperei esse momento, estar entregando a chave da cidade novamente ao Rei Momo”, completou.

Já tem torcida para o Carnaval deste ano? O g1 transmitirá todos os desfiles na Sapucaí e no Anhembi, simultaneamente, e você poderá acompanhar ao vivo cada detalhe de sua escola de coração. Saiba mais: g1 transmite ao vivo desfile das escolas de samba do Rio e de São Paulo.

Rei Momo pela 5ª vez, Wilson Dias, da Vila Isabel, recebeu as chaves e esteve acompanhado de sua Rainha, Thaiana Rodrigues Pinheiro, do Salgueiro, do vice-Rei e outras duas princesas.

“Que nesse carnaval só reine a alegria, a espontaneidade, o consentimento de todos nós. Declaro aberto o carnaval carioca. Viva o samba”, disse o Rei Momo.

Integrantes da bateria das escolas Beija-Flor e São Clemente participaram do evento.

Rei Momo pela 5ª vez, Wilson Dias, da Vila Isabel, recebeu as chaves — Foto: Henrique Coelho/g1 Rio

Rei Momo pela 5ª vez, Wilson Dias, da Vila Isabel, recebeu as chaves — Foto: Henrique Coelho/g1 Rio

A corte do Rio — Foto: Henrique Coelho/g1 Rio

A corte do Rio — Foto: Henrique Coelho/g1 Rio

Por causa da pandemia, carnaval foi adiado para abril — Foto: Henrique Coelho/g1 Rio

Por causa da pandemia, carnaval foi adiado para abril — Foto: Henrique Coelho/g1 Rio

 

Por causa da pandemia e do avanço da variante ômicron, a folia, que normalmente acontece em fevereiro, foi adiada para o feriado de Tiradentes, em abril.

Comitê vai analisar obrigatoriedade do passaporte vacinal

 

Paes afirmou que pediu ao Comitê Científico que analise se o passaporte vacinal ainda deve ser obrigatório na capital. A próxima reunião acontece na segunda-feira (25).

Nos desfiles da Sapucaí está mantida a obrigatoriedade.

“Vai ser pedido. Ainda é obrigatório. Pedi ao Comitê Científico que analisasse a possibilidade de deixar de pedir o passaporte vacinal. Mas ainda é uma regra vigente na cidade”, disse Paes.

“A gente espera que as pessoas possam apresentar, os cariocas que na quase totalidade se vacinaram. A gente tem muita tranquilidade e isso não vai ser um problema”, finalizou.

Fonte: Portal G1.

print