Medo de voltar à vida normal? Aprenda dicas para lidar com o problema

Os últimos dois anos foram marcados por grandes mudanças na rotina das pessoas. A pandemia da Covid-19 nos obrigou a usar máscaras e a evitar o convívio social para nos protegermos do coronavírus.

A redução consistente de novos casos diários de Covid-19 e de mortes provocadas pela doença está levando o mundo para uma nova fase, com o fim da maioria das restrições adotadas até aqui. No entanto, nem todas as pessoas se sentem confortáveis para voltar à vida de antes da pandemia.

Pesquisa realizada pelo XP/Ipespe, divulgada na sexta-feira (22/4), mostra que 4 em cada dez brasileiros afirmam ainda temer a pandemia de Covid-19. O levantamento capta uma tendência de otimismo na população, mas também sugere que muitos ainda não estão totalmente confortáveis com o novo momento.

 

Medo

A neuropsicóloga Damaris Baldacci considera comum sentir medo em momentos de transição como esse. De acordo com ela, o sentimento se torna preocupante apenas quando passa a afetar a vida diária do indivíduo, impedindo-o de executar funções profissionais ou fazendo com que ele perca o contato com amigos e parentes. Nestes casos, é necessário buscar ajuda profissional.

“Muitas pessoas ainda não se sentem confortáveis com o fim das exigências de uso de máscara ou com o retorno ao trabalho presencial. Alguns se sentem pressionados e, por vezes, constrangidos, o que pode levá-los a seguir em isolamento e, até mesmo, a desenvolver uma fobia social”, afirma a especialista.

Pressão social

Quando a pressão para retirar a máscara for grande, a neuropsicóloga sugere que o autocuidado e a autoestima sejam avaliados, havendo compreensão entre os envolvidos. “Empatia é a palavra chave. Quem se sente mais seguro com o uso da máscara deve continuar utilizando-a e quem se sente seguro não utilizando deve respeitar a escolha de quem faz o uso”, diz Baldacci.

Em lugares menores e apertados, como um elevador, ela sugere que a política da boa vizinhança seja adotada pelos que estão sem máscaras. “Ao observar que alguém está utilizando máscara, você pode colocar a sua, por uma questão de gentileza”, recomenda.

Confira algumas dicas para lidar com o medo relacionado ao fim das restrições:

  • Evite, na medida do possível, sair do contato zero com outras pessoas para locais super cheios – organize uma transição;
  • Informe-se sobre a situação atual da Covid-19 no lugar em que vive com fontes seguras;
  • Quando se sentir desconfortável, pare e respire profundamente por três minutos, com intenção de relaxamento;
  • Reflita sobre sua própria capacidade de resiliência: se nos adaptamos ao cenário de isolamento, podemos nos readaptar ao retorno;
  • Pratique o autoconhecimento: conheça e acolha suas emoções.

 

Fonte: Metrópoles.

print